Setúbal e as Mais Belas Praias do Mundo

A criação de uma rota de barco entre países do Clube das Mais Belas Baías do Mundo foi apresentada por Setúbal no XIII congresso mundial da associação, realizado entre os dias 17 e 21, em Vannes e La Baule, na Bretanha, França.
O projeto, apresentado em assembleia-geral do XIII Congresso Mundial do Clube das Mais Belas Baías do Mundo, vai agora começar a ser desenvolvido com o objetivo de, numa primeira fase, estabelecer uma rota de barco de ligação das baías europeias que integram a associação a celebrar vinte anos de existência.
O novo circuito náutico, destinado a reforçar a visibilidade do clube e das baías, tem início na Bretanha, França, e inclui passagens pelas enseadas portuguesas, casos de Setúbal e Horta, esta no arquipélago dos Açores. Depois desta experiência europeia, o projeto é alargado a outros países em diferentes continentes.
Outro dos destaques do congresso resulta no acolhimento de dois novos membros, as baías de Eilat, em Israel, e de Kujukushima, no Japão, decisão que enche de orgulho a presidente do clube e da Câmara Municipal de Setúbal.
Antes da assembleia-geral em La Baule, os 130 delegados em representação de 31 enseadas de todos os quadrantes estiveram reunidos em Vannes, entre os dias 17 e 20, para um conjunto de atividades dinamizadas no âmbito das comemorações dos vinte anos do Clube das Mais Belas Baías do Mundo.
Delegados de França, Canadá, Japão, Camboja, Turquia, Vietname, Guadalupe, Brasil, Marrocos, Espanha, Israel, Taiwan, Coreia do Sul, México, Martinica, Senegal, Cabo Verde, Angola e Portugal marcaram presença no congresso.
Em Vannes, decorreu ainda um desfile de todas as delegações pelas ruas até à sede oficial, para inaugurar uma exposição sobre os vinte anos do clube e homenagear os fundadores Michel Met, Hervé Laigo e Bruno Bodard que, em 1997, deram o passo decisivo para a criação do Clube das Mais Belas Baías do Mundo.
 
 

Mensagens populares