Amesterdão a cidade das mil cores


 
Amesterdão é a capital dos Países Baixos, situada na província Holanda do Norte. O seu nome teve origem numa represa (dam) no rio Amstel, o rio onde fica a cidade. Com cerca de 2 milhões de habitantes, a conhecida como “Veneza do Norte” é famosa pelo seu porto, pelos museus, o Bairro da Luz Vermelha e os coffeeshops liberais.



 

Mas Amsterdão não é só isso, é ainda muito mais. É a cidade da tolerância, da descontração, das flores nas janelas, dos canais, das casas-barcos, dos sorrisos. É a cidade da cultura, as lojas encantadoras, do queijo, das socas e dos diamantes.




 
Esta pequena cidade plana é propícia a andar a pé ou de bicicleta. Os carros são bastante raros no centro da cidade o que dá um ar limpo, despoluído e descontraído. Já as bicicletas são aos milhares por todo o lado, os parques de estacionamento estão cheios delas, muitas com pequenos atrelados para transportar compras, crianças e pequenos animais domésticos. O ambiente é relaxante e assim que surge um dia de calor os habitantes desfrutam montando pequenas esplanadas improvisadas na porta de casa com pequenas mesas e cadeiras e colocam-se a apanhar sol, tranquilamente enquanto bebem uma bebida e leem um livro ou trocam dois dedos de conversa.




 

Entre os pontos de interesse tradicional estão a Casa de Anne Frank para não se esquecer de que a 2ª Guerra Mundial existiu, os múltiplos museus para não se esquecer de que existiram pintores extraordinários como Van Gogh e que a cultura explica o que somos, mercados e bazares ao ar livre para não se esquecer de aproveitar a vida em pleno e de fazer umas compras vintage, parques e jardins para não se esquecer de que o convívio, os amigos e a família são muito importantes.




 

É ainda obrigatório em Amesterdão visitar o Mercado das Flores e trazer uns bolbos. Procurando é possível encontrar plantas fantásticas como tulipas negras. Elas dão-se bem em solo português mas solte os cães porque o seu jardim vai ser muito cobiçado.  



 
Para viver verdadeiramente o espirito é fundamental que alugue uma bicicleta e pedale pela cidade. Com ótimas infraestruturas para estes veículos vai-se sentir no topo do mundo. Depois passe no supermercado, compre alguns petiscos e faça um piquenique no parque. Não vai ser olhado de lado porque toda a gente faz o mesmo. Se tiver uma manta aproveite o entardecer no parque, vai estar sempre muito acompanhado e vai-se sentir em paz.

 
O passeio de barco pelos canais não é igual a Veneza mas é fabuloso. E claro tem de fazer parte obrigatória deste programa direcionado para o ar livre e para a natureza dentro da cidade, uma visita à fábrica de queijos, à fábrica de socas tradicionais e à fábrica de diamantes.


 

Agora que já domina a cidade e com sorte já fez um amigo ou dois parta à descoberta da noite. Amesterdão é largamente conhecida pelo Bairro da Luz vermelha com as suas montras, sex shop e bares.  

Quando regressar dificilmente vai ser o mesmo, depois de conhecer as mil cores de Amesterdão vai ter sempre vontade de voltar.
 
 

Comentários